Sobre o Autor

                                                             

Manuel Urbano Bettencourt Machado  nasceu na Piedade, Ilha do Pico em 1949.
Doutorado em Estudos Portugueses, com a tese Inquietação insular e figuração satírica em José Martins Garcia, apresentada à Universidade dos Açores e que obteve a classificação máxima: Distinção e Louvor  por unanimidade do Júri. Com uma ligeira revisão a tese foi  publicada com o título O Amanhã não ExisteInquietação insular e figuração satírica em José Martins Garcia (Lajes do Pico: Companhia das Ilhas, 2017). Licenciado em Filologia Românica pela Faculdade de Letras de Lisboa, foi professor do Ensino Secundário nos arredores de Lisboa, em Setúbal e Ponta Delgada. Entre 1990 e 2014 leccionou na Universidade dos Açores, entre outras, as disciplinas de Introdução aos Estudos Literários, Literaturas Africanas de Expressão Portuguesa e Literatura Açoriana. Entre 2014 3 2016  voltou a exercer a docência na Escola Secundária Antero de Quental, em Ponta Delgada, na qual se aposentou.
Na sua investigação, tem dedicado particular atenção às literaturas insulares, tendo já proferido conferências a propósito em Cabo Verde, Madeira, Canárias e Açores.
Colaborador da imprensa desde muito jovem, ficou ligado ao suplemento “Glacial”, de A União, e que constituiria a matriz referencial de um grupo de escritores açorianos revelados nos finais dos anos 60, princípios dos anos 70; naquele jornal terceirense viria a alargar a sua participação através dos suplementos “Juvenil” e “Cartaz”, entre 1972 e 1974, altura em que cumpria serviço militar na Guiné.
No final dos anos 70 dirigiu, juntamente com o poeta J. H. Santos Barros, A Memória da Água-Viva (revista de cultura açoriana) durante a sua fase de publicação em Lisboa.
Tem colaboração dispersa pela imprensa, rádio e televisão; para esta última trabalhou com o realizador José Medeiros na feitura do documentário Djutta Ben-David: voz & alma e na adaptação do romance Mau Tempo no Canal, de Vitorino Nemésio.

Entre 2006 e 2009 dirigiu, com Carlos Alberto Machado, a colecção «Biblioteca Açoriana» (Câmara Municipal das Lajes do Pico), para a qual preparou a antologia de contos Português, contrabandista, de José Martins Garcia.

Em 2011 foi consultor e comentador do programa diário «Poema do Dia», que a Antena 1/Açores manteve no ar durante cerca de quatro meses.

Está representado em várias antologias no país e no estrangeiro.

Tem colaboração frequente em revistas da especialidade, dentro e fora do  país. Colaborou  na preparação e edição das seguintes antologias de poesia açoriana:

Caminhos do Mar.  Antologia Poética Açoriano-Catarinense  (com Lauro Junkes e Osmar Pisani); Florianópolis, Santa Catarina, 2005.

Pontos Luminosos. Açores e Madeira, Antologia Poética do Século XX (com Maria Aurora Homem e Diana Pimentel). Porto/Funchal, Campo das Letras, 2006.

Azoru. Dzejas antologija (com Leons Briedis). Riga,  Letónia, 2009.

Actualmente, é investigador do CIERL-UMa e do CEHu-UAc. Coordena, com Carlos Alberto Machado a reedição da obra completa de José Martins Garcia na editora Companhia das Ilhas (Pico, Açores)

….

RECONHECIMENTO

1. No dia 5 de Junho de 2017, dia da Região,  foi-lhe entregue a INSÍGNIA AUTONÓMICA DE RECONHECIMENTO, que lhe fora atribuída pela Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores.

A Insígnia visa distinguir personalidades que, entre outras coisas,  contribuam «para a expansão da cultura açoriana ou para o conhecimento dos Açores  e da sua história», no país e no estrangeiro, ou que se distingam «pelo seu mérito literário, científico, artístico ou desportivo».

2. A 21 de Junho de 2017 recebeu da AIPA – Associação de Imigrantes dos Açores – o diploma de Agradecimento pelo  contributo prestado à Associação.
……
ALGUMA BIBLIOGRAFIA

FREITAS, V:
http://www.culturacores.azores.gov.pt/conteudos/enciclopedia/id/73278a4a86960eeb576a8fd4c9ec6997/enc_id/51?criterio=Entrada&keywords=bettencourt%2C+manuel+urbano&Pesquisar=Pesquisar

LÉLIA NUNES

http://www.acorianooriental.pt/artigo/originalidade-de-estilo-e-a-impecavel-escrita-de-urbano-bettencourt

CARLOS ALBERTO MACHADO        https://machadoalbertocarlos.wordpress.com/sobre-livros/sobre-que-paisagem-apagaras/

LUIZ ANTONIO DE ASSIS BRASIL http://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/navegacoes/article/view/9438

Anúncios